Windows Live Messenger + Facebook

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Péricles chama Fernanda de Yoko Ono do pagode e diz que Exalta não acabará

Rio - O recesso do Exaltasamba parece que não chega nunca, tamanha a agenda de shows do grupo — nesta segunda-feira, inclusive, eles tocam no Vivo Rio. Anunciada inicialmente para terminar no dia 21 de fevereiro em Balneário Camboriú, Santa Catarina, eis que a turnê de despedida já ganhou mais um dia de vida, e vai — pelo menos até agora — ter seu fim no Rio de Janeiro, dia 22, no Riocentro. 


Enquanto a derradeira data não chega, os dois integrantes mais badalados do Exalta já estão liberando suas músicas solo. Péricles regravou ‘Amei’, do grupo Sensação, e Thiaguinho lançou ‘Buquê de Flor’ e ‘Mamão Com Mel’ — esta, inclusive, é tema da personagem de Fernanda Souza, namorada do pagodeiro, em ‘Aquele Beijo’, da Globo.
“Quando anunciamos que o Exaltasamba iria parar, coincidiu com o começo do namoro com o Thiaguinho. Todo mundo falou que ela provocou a decisão, e por isso eu chamo a Fernanda até hoje de a Yoko Ono do pagode”, compara Péricles, citando a viúva de John Lennon, acusada de ter causado o fim dos Beatles. “Ela morre de rir, adora o apelido. Definimos que iríamos parar antes do romance dos dois, na verdade não tem nenhuma relação. Até porque, depois desta parada, a banda vai voltar”, avisa.
Foto: Carlo Wrede / Agência O Dia
Apesar de ter partido de Thiaguinho a decisão de suspender os trabalhos, esses dias foi ele quem se debulhou em lágrimas no palco, na Ilha do Governador. “Sou mais casca grossa que ele!”, decreta Péricles. “Sei que não tem como não se emocionar neste momento, mas nunca chorei em show, não”.
Na Internet, sites provocam os fãs a se dividirem na escolha sobre quem é o melhor cantor do Exalta. Péricles, registre-se, ganha todas as disputas, porém, ele mesmo execra tais comparações. “Há uma relação de mestre e discípulo entre eu e o Thiaguinho, sou mais experiente e ensinei muita coisa para ele. Agora, quem promove esse tipo de discussão está tentando chamar a atenção da pior forma possível. São dois estilos diferentes e que casam”, acredita.

Cantor bom de garfo
Enquanto Thiaguinho é o galã do grupo, Péricles é o gordinho simpático, e abre um sorriso faminto ao falar de comida. “Cozinho muito bem! Sei tudo de carnes, meu churrasco é um arraso, mas imbatível mesmo é uma carne assada que preparo, receita de família que não conto para ninguém”, deixa o gostinho.

Ele conta ainda que não é daqueles que acordam de madrugada para assaltar a geladeira, mas tem seu ponto fraco: “Não resisto a uma boa feijoada. Nunca recuso. Gosto de comer bem, e, nesta vida agitada que o Exaltasamba tem vivido ultimamente, nem sempre dá para parar e desfrutar de uma boa refeição”, lamenta o integrante mais ‘fofo’ do Exalta.

Voo soloO primeiro trabalho solo de Péricles sai em julho, mas ele conta que, até lá, vai seguir antecipando faixas na Internet. “Meu CD vai ser mais no estilo do pagode romântico. Vou gravar também um pouco de partido alto e algo mais dançante. Vai trazer músicas dos clássicos compositores Carica e Prateado, como ‘Amei’, que acabo de gravar. A ansiedade de voar solo está me atormentando. Será que os fãs do Exalta vão aceitar o meu trabalho?”, questiona.

Péricles acredita ainda que, solo, vá atingir novos públicos. “Queria dialogar com outros gêneros, como o rock. Meu sonho é cantar uma música com o Frejat: pode colocar isso aí na matéria, quem sabe ele não lê e se anima com o convite?”, sugere.

POR LEANDRO SOUTO MAIOR

Nenhum comentário:

Postar um comentário